Arquivo de agosto de 2012

Atitudes positivas para levar a dieta para frente

Postado por em 31/ago/2012 - Sem Comentários

Quem faz dietas sabe o como é difícil mantê-la por muito tempo. O fator psicológico é essencial para que você não desista no meio do caminho!

Por isso, para chegarmos onde nos propusemos, manter uma atitude positiva, sair da nossa zona de conforto, determinação e um ambiente de apoio é fundamental para conseguirmos seguir a dieta!

Mantenha-se sempre positivo e siga sempre uma rotina equilibrada e conquiste o sonhado abdômen sarado!

  • Tenha em mente a superação! Este processo de envolve flexibilidade, otimismo e ousadia;
  • Equilíbrio é a palavra de ordem! Tente equilibrar: razão x emoção, disciplina x prazer, privação x excesso, ser x ter;
  • Mudanças são necessárias: a mudança é algo que surge no percurso de um conjunto de alterações, provocadas pela ruptura com valores ou pressupostos que se passam a considera insuficientes ou inadequados, para fazer valer os novos desafios no sentido de concretizar metas;
  • Acrdite em você! A autoconfiança é a convicção que uma pessoa tem, de ser capaz de fazer ou realizar alguma coisa;
  • Estabeleça metas. As metas são as unidades básicas de qualquer projeto e para alcançá-las é necessário motivação e paciência. Para estabelecê-las, liste-as a partir de prioridades e com prazos definidos;
  • Seja estrategista: estratégia é fundamental para que o sucesso! Ela é o modo como os recursos são alocados para se atingir determinado objetivo;
  •  Busque apoio: busque auxílio na família, amigos e profissionais especializados.

Com estas dicas são válidas para todos que tem um grande objetivo na vida!

Dicas para melhorar a postura

Postado por em 29/ago/2012 - 1 Comentário

Na nossa página no Facebook já falamos algumas vezes sobre alongamentos e posturas adequadas. Mas percebemos que aqui no blog não havia nenhuma matéria a respeito disto! Então aqui vão algumas dicas de como melhorar sua postura!

Os alongamentos são essenciais para o bom funcionamento do corpo, e ainda, garantem maior agilidade, elasticidade e evitam que lesões aconteçam.

Entretanto, o efeito mais importante do alongamento é  aumento da flexibilidade possibilitando uma maior amplitude de movimentos, então quanto mais alongado um músculo, maior será a movimentação da articulação comandada por aquele músculo e, portanto, maior sua flexibilidade.

Por isso, selecionamos algumas dicas de alongamentos para vocês fazerem!

 

 

Dieta e bom humor

Postado por em 28/ago/2012 - 1 Comentário

Se você é daquele tipo que só em pensar na dieta, já fica de mal-humor, você pode ficar feliz: existem alimentos que podem acabar com isso!

Isto acontece porque nas fases de reeducação alimentar, a tendência é retirarmos os carboidratos das nossas refeições. Eles são fonte primária para a fabricação da serotonina, neurotransmissor responsável pelo controle do humor.

Apesar disto, existem alimentos que podem te ajudar a manter o bom-humor e ser muito feliz durante a dieta – e sem incluir os carboidratos!

  • Leguminosas: ervilhas, feijão, amendoim são fontes de magnésio, um mineral que desempenha um papel central na produção de energia para o corpo. “Quando você se exercita, o magnésio é distribuído por todo o corpo para ajudar a obter moléculas de energia”, explica Forrest H. Nielsen, nutricionista. Quem pratica exercícios deve investir nesses alimentos, já que o magnésio é eliminado pelo suor.
  • Espinafre: se você prefere salada à carne, a espinafre pode ser uma boa alternativa de ferro. Enriquecer a alimentação com vitamina C, presente no morango e laranja, melhora a absorção desse nutriente pelo corpo.
  • Quinoa: afaste-se do arroz branco e dos pães, que podem aumentar a quantidade de açúcar no sangue. Opte pela quinoa, um dos poucos alimentos de origem vegetal que possui todos os nove aminoácidos, essenciais para a síntese de proteínas, que ajudam na produção de massa muscular.
  • Tomate: licopeno – este é o elemento mais importante no tomate. Ele ajuda a evitar o aparecimento de câncer. Ainda há indícios de que o consumo de licopeno melhore os problemas respiratórios.
  • Leite com vitamina D: pessoas com baixos níveis de vitamina D são mais propensas a apresentar chiado no peito e asma, segundo o Jornal de Alergia e Imunologia Clínica. Além do leite fortificado, o salmão e o atum são boas pedidas.
  • Maçã: a fruta possui quercetina, um flavonoide que atua contra as inflamações. Além disso é um anti-histamínico natural. Mas para obter todos os benefícios, coma a casca.
  • Nozes: esta é uma das principais fontes alimentares de serotonina, uma substância química que proporciona bem-estar. Um recente estudo espanhol descobriu que aquelas pessoas que comiam um punhado de nozes, avelãs, amêndoas sentiam-se melhores que as que não consumiam esses alimentos.
  • Salmão: se você anda muito mal humorado, pode ser sinal de que sua alimentação está pobre em ômega-3. Médicos da Universidade de Pittsburgh enriqueceram as refeições de pacientes deprimidos com este ácido graxo, o resultado foi uma melhora substancial no humor dos pacientes que apresentavam quadro depressivo.
  • Cereais enriquecidos: consumir cereais enriquecidos é a maneira mais fácil de conseguir a quantidade de ácido fólico necessária. Repor o folato, também conhecido como vitamina B, pode melhorar o humor.
  • Frutas vermelhas: morango, amora, blue berry ajudam a evitar o envelhecimento do cérebro, que pode ser responsável por pensamento mais lento. As antocianinas, que emprestam tons avermelhados a essas frutas, bloqueiam enzimas que contribuem para a degradação das células cerebrais.
  • Ovo: as gemas são ricas em colina, um nutriente essencial para o neurotransmissor acetilcolina, que contribui para o funcionamento da memória. “Em nossos estudos, as pessoas que possuíam níveis altos de colina tiveram melhor desempenho em testes de memória do que aqueles que tinham níveis mais baixos”, diz Rhoda Au, pesquisador de neurologia na Universidade de Medicina de Boston.
  • Ostras: importante para o funcionamento do cérebro, a vitamina B12 é importante para o funcionamento do cérebro. As últimas pesquisas sobre o assunto relacionam a falta delas a problemas cognitivos. Além dos mariscos e mexilhões, atum, salmão, lagosta e carnes possuem boas doses dessa vitamina.
  • Laranja: a vitamina C é essencial para a beleza da pele, já que ajuda na produção de colágeno. A quantidade diária está presente em um copo de suco de laranja, em uma manga ou em uma fatia de melancia.
  • Pimenta: as pimentas podem diminuir o apetite, aumentar a queima de calorias e ajudar na digestão. Isso é o que defende uma pesquisa da Universidade de Purdue.
  • Curry: no curry existe um componente chamado curcumina, que combate os radicais livres, responsáveis por falhas na memória.
  • Chá verde: de acordo com pesquisas da Universidade Penn State, o chá verde pode evitar o ganho de peso.
  • Vinho tinto: uma pesquisa sugere que os vinhos tintos oferecem proteção contra o envelhecimento ocasionado pelos raios do sol.
  • Café: a cafeína aumenta os níveis de hormônios essenciais para o funcionamento da memória.

Fonte: Redação com Terra Saúde

Como cuidar da alimentação e da saúde das crianças

Postado por em 24/ago/2012 - 1 Comentário

Hoje é celebrado o dia da infância, e por isto iremos falar sobre como manter uma rotina saudável para as crianças!

Sabemos que hoje em dia, com uma gama de videogames, computadores e jogos eletrônicos, mantê-las longe do sofá é uma tarefa complicada. E ainda piora quando os biscoitos e comidas gordurosas fazem parte da dieta alimentar: tão difícil quanto mantê-las ativas, inserir as frutas e vegetais na rotina alimentar das crianças é um desafio para qualquer mãe.

Durante a infância a criança precisa correr, saltar, andar, rolar, gritar, subir, lançar, etc. Assim ela consegue extravasar suas angústias, tornando-se uma criança comunicativa, disposta, sem falar no bem que está fazendo para a própria saúde: as atividades físicas ajudam a evitar doenças como a obesidade, diabetes, osteoporose, dislipidemias, doenças pulmonares crônicas, asma, depressão, ansiedade, diminuindo o risco de aterosclerose e suas conseqüências como angina, infarto do miocárdio, doença vascular cerebral entre outras.

Tão importante quanto as atividades físicas, a alimentação nesta fase da vida é essencial para a formação dos hábitos alimentares. Comida e nutrientes são as matérias-primas que nos permitem formar os dentes, ossos, músculos e tecidos e mantê-los saudáveis.  A dieta de uma criança precisa ser planejada para que nunca falte os nutrientes para suprir as necessidades de energia, que é elevada!

Assim, vamos falar um pouco de como mantê-las ativas e se alimentando bem!

-Ofereça uma alimentação saudável assim que se começar a inserir alimentos sólidos na dieta da criança, pois assim é mais fácil motivá-los a comer;

– Dê o exemplo: a criança se espelha nos pais. Por isso, tenha sempre uma alimentação balanceada;

– Crie rotinas e hábitos: respeite sempre os horários das refeições;

– Elimine a substituição da refeição por biscoitos ou guloseimas;

– Capriche na apresentação: a refeição deve ser atraente e colorida;

– Use a criatividade: monte pratos divertidos e nutritivos

– Incentive sempre a prática de esportes;

– O ideal é de que elas pratiquem, no minimo, 30 minutos, cinco vezes na semana;

– A natação, indicada a partir dos 6 meses de vida, é considerada um esporte completo: melhorar a capacidade respiratória, o tônus muscular, o equilibrio, a coordenação motora entre outros   benefícios.

– O futebol é mais indicado a partir dos 4 anos e ajuda a desenvolver o senso de direção, a coordenação motora, noções de espaço, tempo e ritmo.

– As artes marciais, como o judô, ajudam na formação do caráter: desenvolvem o senso de respeito ao próximo, ajuda no equilibrio, na agilidade, lateralidade, desenvolver a força e a mente. Estes esportes são indicados para crianças a partir de 4 anos.

– O balé e uma excelente atividade física para desenvolver a lateralidade, a noção de espaço, a flexibilidade, a sociabilidade entre outros. A idade para iniciar esta atividade é entre os 2 e 3 anos

– É importante lembrar que as atividades físicas devem sempre ser orientadas por um profissional, pois principalmente nas crianças ela pode desencadear distúrbios nos tendões, ossos ou músculos, influenciando no crescimento e desenvolvimento da criança

Feijão, o queridinho brasileiro

Postado por em 22/ago/2012 - 1 Comentário

O feijão é essencial na alimentação de grade parte dos brasileiros. De diferentes tipos,o feijão é uma leguminosa rica em proteínas de origem vegetal, em vitaminas do complexo B, em ferro e fibras. Segundo a nutricionista Flávia Morais, estes nutrientes são importantes para o bom funcionamento do nosso corpo, para a saúde da pele, dos cabelos, das unhas, do intestino e até para melhorar o humor.

Entretanto, apesar de ser uma  opção com baixas calorias – uma concha média tem cerca de 50 Kcal – a maneira como ele é preparado pode o tornar nada saudável! Por isto, você confere aqui algumas dicas de como preparar e incluir o feijão em sua dieta sem ganhar calorias extras!

– Na hora de refogá-lo, opte por óleos vegetais, como o óleo de canola ou girassol, pois são mais saudáveis!

– Apesar de não ser comum o seu consumo no Brasil, a salada de feijão pode ser uma boa pedida. O feijão fradinho ou o feijão branco ficam muito saborosos nessa combinação! Cozinhe-os como o feijão convencional, mas por menos tempo. Além de nutritiva e saborosa, nesta opção não é necessário reforgarmos o feijão em óleo, tornando-o mais saudável.

– O feijão quando bem temperado é uma delicia! Alho e louro são essenciais e ainda adicionam nutrientes à receita! Uma dica precisa é espetar em uma cebola uma folha de louro e um cravo, que alem de dar mais sabor ao feijão, diminuem a fermentação e a formação de gases.

– Arroz e feijão: a dupla imbatível! Além de deliciosos juntos, as proteínas do arroz combinadas com as do feijão se complementam, de maneira que seu organismo as absorvem melhor!

– Nos dias mais frios, aposte em um caldinho de feijão. Ele é uma fonte rápida de proteínas, ferro e fibras. Para esta delícia ser nutritiva, bata os grãos junto com o caldo e evite adicionar gorduras.

– E por fim, se a opção for o tradicional feijão refogado, evite adicionar carnes em seu preparo, pois isto o torna mais gorduroso!

Alimentos termogênicos

Postado por em 20/ago/2012 - Sem Comentários

O nosso organismo gasta energia em tudo o que ele faz, inclusive na digestão. Por isto, podemos utilizá-la ao nosso favor par emagrecer!

Sim, existem certos alimentos, os chamados termogênicos, que são capazes de aumentar o gasto calórico do organismo durante a digestão e o processo metabólico. Estes alimentos, responsáveis por cerca de 10% do gasto total de energia, são assim chamados pois sua digestão é mais lenta.  As substâncias termogênicas contidas em certos alimentos têm a capacidade de aumentar a temperatura corporal, acelerando o metabolismo e aumentando a queima de gordura.

Entretanto, estes alimentos não são milagrosos: eles devem estar aliados a uma dieta saudável e equilibrada e à uma rotina de exercícios.

Conheça alguns destes alimentos que podem te ajudar na busca pelo seu abdômen sarado!

– Canela –  Quando consumida dentro das proporções (1 grama duas vezes ao dia) a canela aumenta o metabolismo basal. Ela ainda possui alto teor de cálcio mineral, substância importante para o emagrecimento;

-Pimenta vermelha – Este tipo específico de pimenta, que pode ser consumida como tempero em saladas ou pratos quentes, é rica em capsaicina, substância que ajuda o aumento da quebra de gorduras no tecido adiposo. Ela aumenta em até 20% a atividade metabólica se ingerida na quantidade de 3 gramas por dia;

– Ômega 3 – O ômega 3, alem de outras propriedades, aumenta o metabolismo basal, melhorando a retenção de líquidos e facilitando a comunicação entre as células do organismo;

– Chá verde – 5 xícaras durante o dia são suficientes para que o organismo utilize a gordura corporal como fonte de energia;

– Gengibre – Um pedaço pequeno, tem o poder de aumentar em 10% os gastos calóricos do organismo;

– Água Gelada – Que a água é essencial para a emagrecer, todos sabemos. Mas ingerir água gelada, pode te fazer perder até 200 kcal por dia! Isso porque o organismo gasta energia para elevar a temperatura até a tida como adequada pelo corpo (algo entre 36º e 37ºC).

Dicas de lanche da tarde

Postado por em 17/ago/2012 - Sem Comentários

Sabemos que comer entre refeições é essencial para manter um dieta equilibrada e saudável. Mas você sabe o que comer? Qual o horário certo para tomar o lanchinho? Neste post separamos para vocês, algumas ideias de alimentos que são super faceis de serem encontrados e que ainda ajudam a manter a dieta sem passar fome!

A primeira dica é procurar por alimentos ricos em fibras – isso ajuda a manter o metabolismo acelerado. Uma fonte de carboidrato é indispensável: ele mantem nossa glicose em niveis normais, sem a necessidade do organismo queimar os músculos para gerar energia!

O horário mais indicado para consumir o lanche é de três a quatro horas após o almoço, que foi a refeição pricipal. Lembre-se que o objetivo desta refeição é manter seu organismo funcionando e que logo mais você irá jantar.

Por isto, o lanche da tarde não deve ter mais de 200 kcl.  Confira alguns lanchinhos que podem te socorrer na hora da fome!

Opção 1
153 calorias
– 1 unidade de queijo tipo Polenghinho® light
– 1 fatia de pão de forma integral
– 1 unidade de kiwi

Opção 2
134 calorias
– 4 unidades de biscoito salgado
– 2 colheres de chá de geléia sem açúcar
– 1 unidade grande de ameixa fresca

Opção 3
188 kcal 
– 1 xícara de chá de leite desnatado
– ½ xícara de chá de cereal matinal integral tipo Nesfit®
– ½ banana nanica picada

 

Exercícios físicos para idosos

Postado por em 15/ago/2012 - 1 Comentário

Assim com crianças e adultos,  os idosos também precisam praticar exercícios físicos para fortalecer e tonificar os músculos.

Conforme a idade chega, sofremos alterações em nosso corpo, aumentando as chances de sentirmos dores musculares, rigidez e muito mais cansaço de que quando eramos jovens. Por isto que praticar exercícios nesta fase da vida é importante, pois melhora a qualidade de vida, diminuindo o risco de doenças comuns da velhices, diminuem as chances de quedas, fraqueza nos músculos e a falta de equilíbrio.

Para isso, é preciso tomar alguns cuidados co  intensidade dos exercícios: aqueles idosos que não estão acostumados com exercícios ou tomam algum tipo de medicação para pressão alta ou coração precisam observar os batimentos cardíacos, mantendo-os até 140 batidas por minuto.

natação é um esporte que é indicado para este grupo de pessoas: alem de queimar calorias e trabalhar a parte aeróbica, a natação fortalece os músculos, protege as articulações contrbuindo para evitar doenças como artrite e osteoartrite. Assim como a hidroginástica, a natação trabalha a circulação saguínea e a respiração, pois o contato com a água causa uma vasodilatação nas vias respiratórias, o que melhora instantaneamente a respiração, diminuindo os problemas de falta de ar.

Correr traz muitos benefícios para a saúde do idoso: melhora o equilíbrio e a respiração. Ela deve ser praticada ao menos meia hora por dia, cinco vezes por semana, pois nesta freqüência, os batimentos cardíacos e os níveis de respiração aumentam. É importante lembrar que se o idoso não está acostumado com este tipo de atividade, é necessário uma preparação previa, para evitar lesões nas articulações e músculos.

A musculação, quando feita com um acompanhamento profissional traz muitos beneficios para a saúde dos idosos. É importante buscar exercícios qe fortalecam a cintura e pernas, sempre focando na repetição ao invés do peso. Além de fortalecer os músculos, a pratica da musculação favorece a circulação sanguínea e melhora significativamente a respiração.

 

 

Água – a melhor amiga de sua dieta

Postado por em 13/ago/2012 - 1 Comentário

Você deve estar se perguntando se tomar água pode te ajudar a conseguir um Abdômen Sarado, a perder a gordura abdominal e conseguir um corpo perfeito. 

A resposta é sim: a água vai te ajudar a perder gordura e definir os músculos abdominais. Mas não se engane: uma dieta com baixas calorias e um rotina firme de exercícios é essencial para o sucesso.

No texto de hoje vamos falar um pouquinho de como água pode ajudar na perda de peso e para conseguir um abdômen sarado.

Os benefícios da água

– Beber água antes das refeições ajuda a aumentar a sensação de saciedade, fazendo com que você não coma tanto;

– Se você tem probelmas com inchaços, a água pode te ajudar: muitos problemas de estomago e digestão são derivados da falta de ingestão de água;

– Um estudo realizado na Alemanha mostra que a presença de mais água em nossa dieta ajuda a acelerar o metabolismo;

– Beber água gelada gasta mais calorias do que água em temperatura ambiente, pois o organismo tem que trabalhar mais para converter a temperatura da água para a temperatura interna do coprpo;

– A água é importante para a manutenção da função renal, que por sua vez, melhora a capacidade do fígado em queimar gorduras.

Quanta água devo beber?

Provavelmente você já deve ter escutado que deve beber de 8 a 10 copos por dia, mas estudos recentes mostram quem se frutas e verduras fazem parte da nossa rotina diária de alimentação, nosso corpo não precisa de tanta água;

Contudo, é  bom manter a média de 8 copos durante o dia, garantindo sempre que seu corpo esteja hidratado sempre.

A água não é uma solução milagrosa para perder peso

Como sabemos, a água não é uma cura milagrosa para a perda de peso: ela é uma importante aliada, mas sem uma dieta equilibrada e exercícios aeróbicos e localizados ela não faz efeito.

Por que você acumula gordura?

Postado por em 10/ago/2012 - Sem Comentários

É muito importante entendermos como nosso corpo funciona: você sabe por que está acumulando gordura? Aprenda um pouquinho mais sobre como nosso organismo trabalha!

Normalmente o acumulo de gordura está associado à falta de exercicios, mas eles podem ter outras causas, como a genética, o estresse, a má digestão entre outros.

A genética é muito importante: pense em sua família.  Quantos deles têm gordura abdominal acumulada? Pode ser que você tenha genes que contribuam para que sua reserva de gordura seja acumulada na região abdominal.

O estresse é um aliado da gordura abdominal: quando estamos tensos o nosso corpo produz mais cortisol. Este hormonio  faz com que o figado produza mais açucar do que o nosso corpo necessita, causando assim um sensação de fome.

A má digestão pode ser causada por estresse ou por problemas gastro intestinais, que produzen gases, fazendo com que nosso estomago inflame.

Um outro fator que contribui para o acumulo de gordura é comer muito antes de dormir. Para evitar o acumulo de gordura, deve-se comer no minimo três horas antes de dormir.

O metabolismo lento pode ser outra causa do acumulo excessivo de gordura: a tendencia é que conforme ficamos mais velhos, nosso metabolismo fique mais lendo. Ou seja, as calorias não são queimadas tão rapidamente quanto antes.

Mas não se esqueça que uma boa dieta e exercícios físicos são essenciais para evitar o acumulo de gordura.

 

Facebook

© 2017 Abdômen Definido - Todos os Direitos Reservados