Arquivo de setembro de 2012

30 minutos de exercícios por dia!

Postado por em 26/set/2012 - Sem Comentários

Estudiosos da Universidade de Copenhague chegaram a conclsao de que malhar menos pode ser sinônimo de emagrecer mais!  A pesquisa foi realizada com homens jovens e sedentários, submetidos a diferentes rotinas de atividades físicas.

Durante 13 semanas o grupo foi dividido em três grupos: o que permaneceu sedentário, o que praticou 30 minutos diários de exercícios e o que praticou o dobro. Ao final desse período, apurou-se que o segundo grupo foi o que mais perdeu peso: 3,1 quilos, contra 2,3 do terceiro grupo.
O que também se descobriu foi que as pessoas que praticaram exercícios mais intensos tenderam a aumentar a quantidade de comida nas refeições, mesmo sem nenhuma orientação nutricional. Além disso, eles se mostraram mais fatigados durante o resto do dia, passando mais tempo sentados do que o segundo grupo, que pareceu adotar um estilo de vida mais ativo: subindo mais escadas e deslocando-se mais a pé.
“Aqueles que se exercitaram pouco ganharam energia e inspiração para o dia inteiro”, nota o Dr. Mads Rosenkilde, que liderou a pesquisa. “Por outro lado, é importante lembrar que os homens que se exercitaram mais também acumularam mais massa muscular, e por isso não perderam tanto peso na balança. Além disso, a longo prazo, o corpo poderia se acostumar ao estímulo e ter o metabolismo acelerado, o que ajudaria na perda de peso”, analisa o especialista. Ou seja: só não vale ficar parado.
Fonte: Redação e Revista WRun

8 Dicas para ficar com uma barriga lisinha!

Postado por em 19/set/2012 - 2 Comentários

Uma alimentação balanceada e uma rotina de exercícios são fundamentais para obter um abdômen sarado! Mas algumas dicas nunca são demais, não é mesmo?

1- Mastigue muito bem os alimentos – Uma boa mastigação faz TODA a diferença no processo de emagrecer! Quanto mais bem triturado o alimento, menor é a sensação de “estufa” no abdômen. Isso porque quando não mastigamos corretamente, sobrecarregamos o estômago, que  requisita mais fluxo sanguíneo e que, por consequência, distende a região.

2- Coma mais vezes durante o dia – você nao precisa se empanturrar na hora do almoço. O execesso de comida faz volume no estomago: faça refeições menores e NUNCA deixe de fazer lanchinhos entre as refeições – já falamos disto aqui e aqui também! Outra dica importante é manter a calma na hora das refeições: coma em um ambiente tranquilo e sem pressa!

3- Alimentos de fácil digestão – Evite consumir alimentos que demoram para ser absorvidos pelo organismo, pois favorecem a fermentação, que causa aquela barriga inchada. Frutas, grãos e verduras passam mais rapidamente pelo intestino e melhoram seu funcionamento!

4- Fibras! – Elas são essenciais para o funcionamento do nosso intestino, livrando-nos do abdômen estufado. Mas cuidado: quando consumida em excesso elas provocam o efeito contrário: dores, cólicas e inchaços!

5- Produtos integrais – Troque os produtos tradicionais pelas versões integrais – eles têm maiores quantidades de fibras, beneficiando o funcionamento do intestino, baixam os índices glicêmicos, evitando o execesso de insulina – o hormonio que estimula o estoque de gordura.

6- Evite o sal – alimentos muito condimentados ou salgados devem ser evitados a todo custo. O sódio provoca a retenção de líquidos, causando o aspecto de inchaço  no corpo. Os maiores vilões são: as azeitonas, salgadinhos em geral, carne seca e embutidos, queijos salgados e molhos prontos para salada

7 – Água, a rainha da saúde! – Já é regra: devemos ingerir ao menos 2 litros diários de água! Este já foi tema de um post aqui!  Mas evite consumi-la durante as refeições, pois dificulta a digestao e favorece a fermentação. Além de ajudarem a regular o intestino, líquidos como a água, os chás e sucos contribuem para a eliminação do sal.

8 – Gordura do bem – alguns tipos de gorduras – mono e poliinsaturada – quando consumidas de forma moderadas, são alidas na consquista do abômen sarado. Elas ainda são capazes de baixar o índice glicêmico e evitar o processo de acumulo de gordura (como já foi falado no ítem 5 desta lista!) Por isso, o azeite de oliva, o abacate e as oleaginosas são super-bem-vindas em nosso cardápio!

 

Alimentos nutritivos para um abdômen sarado

Postado por em 17/set/2012 - 3 Comentários

Estes alimentos não só ajudam a conseguir um abdômen sarado, mas também  nos fornecem doses de nutrientes necessárias em cada mordida!

Podemos fazer centenas de abdominais diariamente, mas isto, apenas não nos ajuda a chegar em um abdômen lisinho. Se realmente queremos uma barriga retinha e sexy, devemos cuidar de nossa dieta. A melhor comida que pode nos ajudar nesta missão é aquela rica em fibra, antioxidantes e proteínas. Veja abaixo alguns exemplos delas:

1- Amêndoas  – elas são ricas em proteínas, fibras e vitamina E, que é um antioxidante poderoso. As amêndoas são também uma boa fonte de magnésio, um mineral que nosso corpo precisa para produzir energia, construir e manter o tecido muscular e regular o açúcar no sangue. E o mais importante: as amêndoas são bloqueadoras de calorias!

Devemos comer em média 20 amêndoas por dia, o que equivale a 160 calorias

2- Ovos – não existe fonte melhor de proteínas! Os ovos são muito utilizados por nutricionistas devido à quantidade de aminoácidos essenciais ( componentes básicos de proteínas usadas pelo corpo para fabricar tudo: desde as fibras dos músculos atá a química cerebral). Desta forma, pequisadores britânicos concluíram que os individuos que consomen ovos no café-da-manhã, sentem menos fome durante o dia, porque a proteína dos ovos pode contribuir para a sensação de saciedade.

Devemos comer ao menos, um ovo por dia.

3 – Soja – A soja é uma grande fonte de antioxidantes, fibras e proteínas. E é um alimento incrivelmente versátil. Pode ser consumida em sopas, saladas ou bebidas.  A soja liquida é uma boa opção para substituir refeições. Um estudo americano comprovou que pessoas com sobrepeso e que substituíram uma refeição por um copo de leite de soja perderam mais peso do que aquelas que consumiram quqlauqer outra bebida tradicional em dietas.

O consumo diário deve ser de 25 gramas de proteinas de soja diariamente.

4- Maças – Já falamos delas aqui! Um estudo do Diário de Nutrição mostrou que mulheres com sobrepeso que consumiram três maças ou peras todos os dias, durante três meses, perderam mais peso do que as outras participantes do estudo. Uma maçã grande contém 5 gramas de fibras e quase 85% de água, que nos ajuda a nos sentir satisfeitos. Elas também são ricas em quecertina, um composto que ajuda a prevenir certos tipos de câncer, reduzir o colesterol e manter os pulmões saudáveis.

Para alcançar estes resultados, devemos consumir, no mínimo, uma maçã por dia!

Você esta usando o sutiã certo?

Postado por em 14/set/2012 - Sem Comentários

Há algum tempo vi em um site americano uma matéria sobre a importância de sutiãs ou tops corretos durante a prática de exercícios. Procurei algumas coisas em português, e para minha surpresa, quase não há textos sobre isso! Então, o posto de hoje será dedicado às mulheres e à escolha do top certo!

Estudos feitos em universidades britânicas mostram que durante a prática do exercício físico de impacto, o uso do modelo errado do top faz com que os seios balancem até 21cm em todas as direções.  E o resultado disto? Flacidez! tar Z

Para evitar isto, antes de comprar um top na cor da moda, é preciso considerar alguns outros fatores: em primeiro lugar deve-se levar em conta as alças. Elas não devem apertar o pescoço, porque causam dores na região e tensão nos ombros.

O tipo de exercício que será praticado também deve ser considerado: se for de pouco impacto, como caminhada, alongamento ou yoga, um sutiã confortável, sem aro, em materiais macios e que facilitem a transpiração são os ideais. Já para exercícios de maior impacto, como corrida, body pump e esportes de competição, os cuidados na escolha do sutiã devem ser mais específicos.

Começando com o tipo de tecido, o sutiã ideal deve ser feito de um material propício para a prática do esporte, que facilite a transpiração. Deve ser bem reforçado para dar suporte à região peitoral e as costuras não podem incomodar na hora das atividades físicas.
Alguns detalhes, como a largura das alças e o decote devem ser considerados de acordo com o tamanho do seu busto. Mas uma regra é valida para todas: as alças são mais fortes na hora de segurar o impacto e os tops sem decote – fechados na parte da frente – são mais seguros. A parte de trás deve ser no estilo nadador e quanto mais largas, melhor!
Resumindo:
– Evite alças que apertem o pescoço;
– Prefira alças mais largas – elas minimizam o efeito sobre os ombros;
– Escolha materiais que permitam a transpiração;
– Decotes fechados são mais seguros;
– Modelo nadador largo, minimizam o impacto.
Com estas dicas, você já está pronta para ir às compras do top certo!

Benefícios da maçã

Postado por em 10/set/2012 - Sem Comentários

Ótima opção de lanche da manhã, lanche da tarde ou mesmo sobremesa, a maçã é uma das frutas que integram o grupo de superalimentos: fazem bem para a saúde, para o corpo e ainda possuem propriedades que são poucos conhecidas! Conheça neste post 8 razões para incluí-la em sua dieta!

Diminui o colesterol – Uma maçã média possui aproximadamente quatro gramas de fibra. Uma parte disso está na forma de pectina, um tipo de fibra solúvel que tem sido associada a redução dos níveis do colesterol ruim. Isso acontece,  porque ela bloqueia a absorção de colesterol, ajudando o corpo a usá-lo em vez de armazená-lo.

Mantém você saciado – A presença de fibras na maçã também faz com que ela deixe você saciado por mais tempo sem que precise consumir muitas calorias (95 em uma fruta média). O nosso corpo demora mais para digerir fibras complexas do que matérias simples como açúcar ou cereais refinados.

Ajuda a manter você magro – Um componente da casca de uma maçã, onde também se concentra a maior parta das fibras, é algo chamado ácido ursólico, que está relacionado a um risco menor de obesidade, segundo um recente estudo feito com ratos. Isso porque ele aumenta a queima de calorias e o desenvolvimento de músculos e massa magra.

Previne problemas respiratórios – Comer pelo menos cinco maçãs por dia pode melhorar a função pulmonar. Provavelmente graças a um antioxidante chamado quercetina encontrada na pele de maçãs, cebolas e tomates. E os benefícios para respiração não param por aí: um estudo de 2007 descobriu que as mulheres que comem muito dessa fruta são menos propensas a ter filhos com asma.

Combate resfriados – Embora não chegue a ser tão eficiente quanto a laranja, a maçã é considerada uma boa fonte de vitamina C, que fortalece o sistema imunológico. Uma fruta média possui cerca de oito miligramas dessa substância, o que equivale a cerca de 14 % da ingestão diária recomendada.

Pode combater câncer- Em 2004, uma pesquisa francesa, divulgada no WebMD, descobriu que uma substância da maçã é capaz de ajudar na prevenção ao câncer de cólon. Um novo estudo, realizado em Cornell, EUA, em 2007, encontrou compostos adicionais, chamados triterpenóides, que parecem lutar contra o câncer de cólon, fígado e mama.

Diminui o risco de diabetes –Um estudo publicado em 2012 no American Journal of Clinical Nutrition descobriu que as maçãs, bem como pêras e amoras, estavam ligados a um risco menor de desenvolver diabetes tipo 2 por causa de uma classe de antioxidantes, antocianinas, que são também responsáveis para pela coloração frutas e vegetais.

Melhora as funções cerebrais – Segundo o Good Housekeeping, a fruta tem sido associada a um aumento na produção de acetilcolina, que se comunica entre as células nervosas. Isso faz com que a maçã possa ajudar a memória e diminuir as chances de desenvolver Alzheimer. Uma dieta rica em antioxidantes pode ter efeitos semelhantes, por isso a maçã, que é particularmente rica em quercetina, é uma boa aposta, de acordo com pesquisa de 2004.

Fonte: Redação com Terra

Vamos correr?

Postado por em 03/set/2012 - Sem Comentários

O mês de setembro está começando! Que tal começar também a correr atrás do seu sonhado abdômen sarado?

O que acha de começar com uma corridinha para animar e queimar algumas calorias?

Mas por que correr?  Nós te damos 5 motivos!

Endorfina na veia – Toda a prática de exercício físico libera endorfina, o hormônio da felicidade e do bem estar! A sensação é maravilhosa…e viciante!

Condicionamento físico  e saúde – Correr ajuda a melhorar seu condicionamento físico e ainda a reduzi o colesterol, garante um evelhecimento saudável, evita a diabetes, hipertensão, artrose e osteoporose.

Xô calorias! – A corrida está no topo das atividades físicas que mais queimam calorias. O quanto você vai queimar vai depender de alguns fatores, como idade, peso, altura e sexo,. Mas é fato: você começa a secar.

Relaxar a mente – A corridinha de cada dia ajuda no combate a ao estresse! E ainda, ela ajuda a te mandei mais focodo, concentrado e disposto! Xô estreese!

Amizade –  Durante as corridas, você pode fazer amizades! Nos parques, praças e calçadões muitas pessoas vão sozinhas! Quem sabe vocês não montam uma equipe de corrida?!

E aí? Vamos correr?

Facebook

© 2017 Abdômen Definido - Todos os Direitos Reservados